NOTÍCIAS


Demanda por frango cresce com aumento de preço de outras proteínas animais


São Paulo só fica atrás dos estados do sul do país no ranking dos que mais abatem frango no Brasil. Uma grande preocupação é com a qualidade, já que o consumo de carne de frango entre os brasileiros vem crescendo de forma significativa.

Em 2021, foi registrado um aumento de 3,29% em comparação com 2020. O consumo per capita no ano passado foi de 46 quilos e a expectativa é passar para 47,5 quilos por pessoa.

Em uma granja de Ibitinga (SP), o número de frangos criados para o abate cresce a cada ano. Em 2002, eram cerca de 30 mil aves por ciclo de produção, que dura em média, 40 dias. Hoje são mais de 100 mil.

(Vídeo: veja a reportagem exibida no programa em 17/04/2022)

Demanda por frango cresce com aumento de preço de outras proteínas animais

Demanda por frango cresce com aumento de preço de outras proteínas animais

Segundo Marcelo Oliveira, presidente da Abpa (Associação Brasileira de Proteína Animal), o setor comemora o crescimento, mas é preciso ressaltar que os produtores não tiveram tanto lucro real. Ao mesmo tempo que aumentou a produção, elevaram-se também os custos.

Todo cuidado é necessário para que a carne que vai chegar à mesa do consumidor tenha qualidade, mesmo com o aumento dos custos. As granjas costumam ter métodos para manter a qualidade. Um deles é não deixar os ambientes 100% iluminados, propositalmente deixando uma penumbra para não estressar as aves.

A iluminação é controlada conforme as aves vão crescendo. Quando é pintinho fica mais claro e quanto mais eles crescem, mais período no escuro eles vão ficando. Para os próximos meses, a expectativa é de mais crescimento no setor.

VÍDEOS: veja as reportagens do Nosso Campo



Fonte: G1


17/04/2022 – Objetiva FM

SEGUE A @OBJETIVAFM107.5

(15) 99838-4161

producao@objetiva107.com.br
Buri – SP

NO AR:
PURO PAGODE