NOTÍCIAS


Família e amigos de publicitária morta ao ter carro atingido por motorista com CNH suspensa fazem passeata


Com cartazes e faixas, o grupo foi até o quilômetro 62 da rodovia onde o acidente aconteceu. Ao final da manifestação, eles soltaram balões brancos.

A batida ocorreu na noite de sexta-feira (15), na altura do quilômetro 62. Outras duas jovens que estavam junto com Pamella ficaram feridas. A mulher que provocou o acidente foi presa em flagrante, mas recebeu liberdade provisória durante a audiência de custódia.

Pamella Luque, de 22 anos, morreu após ter carro atingido em Jarinu — Foto: Arquivo pessoal

Pamella Luque, de 22 anos, morreu após ter carro atingido em Jarinu — Foto: Arquivo pessoal

De acordo com o boletim de ocorrência, ela estava com a CNH suspensa havia dois anos. Segundo a polícia, a mulher apresentou comportamento alterado e, no hospital, foi encontrado um pino que aparentava ser de cocaína com ela. O objeto foi apreendido e encaminhado para a perícia.

  • Família fez desabafo sobre soltura de motorista: ‘Tirou o chão de muita gente’

A polícia também informou que a motorista se recusou a fazer o teste do bafômetro. No entanto, ela passou por exame clínico de embriaguez, toxicológico, e coleta de sangue e urina para dosagem alcoólica no hospital. Os resultados dos exames não foram divulgados.

João Pedro de Oliveira Martins e Pamella Luque namoravam haviam quatro anos — Foto: Arquivo pessoal

João Pedro de Oliveira Martins e Pamella Luque namoravam haviam quatro anos — Foto: Arquivo pessoal

Pamella chegou a ser socorrida após o acidente, mas não resistiu aos ferimentos. Conforme apurado pelo g1, o estado de saúde das outras duas jovens que estavam no carro é estável, mas delicado. Uma delas foi transferida para um hospital em São Paulo (SP).

‘Ela confortava qualquer pessoa’

A jovem publicitária recebeu muitas homenagens de familiares e amigos nas redes sociais. Seu corpo foi velado na tarde de sábado (16), no Velório Municipal de Jarinu, e o sepultamento foi realizado no Cemitério Municipal de Campo Limpo Paulista (SP).

De acordo com João Pedro de Oliveira Martins, a namorada era alegre e tinha muitos sonhos. Recém-formada em publicidade e propaganda, ela havia conseguido um estágio na área de marketing recentemente. No entanto, não deixou de ajudar a sogra em uma empresa de seguros.

Amigos lamentam morte de publicitária que teve carro atingido por motorista com CNH suspensa em Jarinu (SP) — Foto: Reprodução

Amigos lamentam morte de publicitária que teve carro atingido por motorista com CNH suspensa em Jarinu (SP) — Foto: Reprodução

“A Pamella era uma pessoa muito organizada. Era sensacional, maravilhosa com todos, todo mundo gostava dela. Ela sabia como se colocar em cada lugar e confortava qualquer pessoa. De manhã, ela ia para o estágio, e à tarde, ajudava minha mãe. Elas eram muito próximas”, afirma João.

O casal, que namorava havia quatro anos, já morava junto, mas estava a um passo de realizar o sonho de ter um apartamento próprio. “Já estava quase certo. Estávamos começando a juntar algumas coisas, como jogos de copos, potes, facas. Tínhamos acabado de comprar uma TV, conquistamos nosso carro”, lembra.

Agora, João e a família tentam lidar com a saudade, além de persistirem na busca por justiça pela morte de Pamella.

Helicóptero Águia foi acionado para socorrer as vítimas em Jarinu — Foto: Arquivo pessoal

Helicóptero Águia foi acionado para socorrer as vítimas em Jarinu — Foto: Arquivo pessoal



Fonte: G1


21/04/2022 – Objetiva FM

SEGUE A @OBJETIVAFM107.5

(15) 99838-4161

producao@objetiva107.com.br
Buri – SP

NO AR:
TARDE OBJETIVA