NOTÍCIAS


Mulher suspeita de matar adolescente de 16 anos e deixar corpo em matagal tem prisão preventiva decretada


A adolescente, Fernanda Vitória da Silva, desapareceu após sair para ir a um bar em Várzea Paulista. O corpo dela foi encontrado em uma área perto do bairro Caxambu, em Jundiaí (SP).

De acordo com a Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Jundiaí, a principal suspeita do crime era amiga de Fernanda e ambas moravam juntas. Durante o interrogatório, a suspeita decidiu permanecer em silêncio.

Outra jovem também já havia sido capturada no dia 26 de fevereiro. A suspeita é de que ela teria participado da ocultação do corpo, mas a jovem negou o homicídio.

O corpo de Fernanda foi localizado, em estado avançado de decomposição, escondido sob mato, em um terreno próximo ao bairro Caxambu, no dia 26 de fevereiro.

De acordo com a DIG, o veículo usado no transporte da vítima também foi apreendido. A suspeita foi apresentada na delegacia e encaminhada à cadeia de Itupeva (SP).

Anteriormente, ela tinha prestado depoimento na delegacia logo após o desaparecimento da adolescente, e negou ter envolvimento no crime.

De acordo com a Polícia Civil, a amiga teria esfaqueado Fernanda e, com a ajuda da mulher capturada, deixou o corpo em um matagal. O crime teria sido cometido por ciúmes. No entanto, a polícia não deu detalhes sobre a motivação.

Junto ao corpo, os policiais encontraram o par de chinelos da vítima e uma faca que teria sido usada no crime.

Faca e chinelo foram apreendidos no local próximo ao corpo da adolescente de Várzea Paulista — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Faca e chinelo foram apreendidos no local próximo ao corpo da adolescente de Várzea Paulista — Foto: Polícia Civil/Divulgação



Fonte: G1


09/03/2022 – Objetiva FM

SEGUE A @OBJETIVAFM107.5

(15) 99838-4161

producao@objetiva107.com.br
Buri – SP

NO AR:
TARDE OBJETIVA