NOTÍCIAS


Operação prende suspeitos de envolvimento no 'tribunal do crime' em Sorocaba


A Polícia Civil de Sorocaba (SP) prendeu nove pessoas suspeitas de participar de um “tribunal do crime” na cidade. Outros 14 mandados de busca e apreensão foram cumpridos durante uma operação realizada na última sexta-feira (8).

Conforme informado pela Polícia Civil nesta segunda-feira (11), uma das presas é uma mulher de 26 anos apontada como uma das principais envolvidas em esquema de tribunal do crime, quando criminosos julgam e executam integrantes do grupo.

A ação recebeu o nome de operação “Branca de Neve”, mesmo codinome usado pela suspeita. A investigação já identificou e prendeu alguns suspeitos durante uma operação chamada “Thanatos” em outubro de 2021. Na época, foi encontrado um cemitério clandestino na zona norte da cidade.

Na última sexta-feira, a polícia apreendeu diversos materiais, como roupas e aparelhos celulares. Os objetos ajudaram a identificar suspeitos que teriam participado do tribunal do crime. No total, nove pessoas foram presas. Um outro homem já havia sido preso em fevereiro de 2022.

Os presos foram encaminhados à sede da Deic. Após ouvidos, eles foram encaminhados ao sistema prisional, onde permanecem à disposição da Justiça.

Polícia acha corpos em cemitério clandestino durante operação contra 'tribunal do crime' em Sorocaba (SP) — Foto: Nathália Silva/TV TEM/Arquivo

Polícia acha corpos em cemitério clandestino durante operação contra ‘tribunal do crime’ em Sorocaba (SP) — Foto: Nathália Silva/TV TEM/Arquivo

Em novembro do ano passado, policiais da Deic encontraram 14 corpos em um cemitério clandestino durante uma operação contra suspeitos ligados ao “tribunal do crime” em Sorocaba.

O Corpo de Bombeiros foi chamado para fazer a retirada dos corpos do local, que fica na zona norte da cidade, perto do Carandá.

De acordo com a polícia, entre os crimes atribuídos aos suspeitos estão tortura e associação ao crime. Os materiais apreendidos serão analisados pelo setor de inteligência da Deic e as investigações continuam com o objetivo de identificar outros envolvidos e se mais crimes foram cometidos pelo grupo.



Fonte: G1


11/04/2022 – Objetiva FM

SEGUE A @OBJETIVAFM107.5

(15) 99812-9706

producao@objetiva107.com.br
Buri – SP

NO AR:
MADRUGADA OBJETIVA F